G

arantir um bom desempenho na prova da Residência Médica exige muito mais do que dedicar horas aos estudos e realizar simulados de maneira contínua. Por isso, durante o processo de preparação para o exame, você deve ter consciência dos pontos que necessita melhorar, mas, além disso, é recomendável estar atento a alguns fatores que podem levá-lo a prejuízos na hora da prova em si. 

Se você teve interesse na leitura deste texto, possivelmente já se submeteu ao exame pelo menos uma vez e notou que tem algo que pode estar te levando a um desempenho insatisfatório. É, portanto, para te ajudar a superar esses obstáculos que desenvolvemos esse material.


5 fatores que podem estar te prejudicando na prova da Residência

  1. Iniciar a prova da Residência Médica pela ordem, sem ter visto o conteúdo todo – Essa é uma medida que pode prejudicar a gestão do tempo de prova, uma vez que quando o candidato inicia respondendo as perguntas das áreas que domina, terá mais tempo para dedicar-se à compreensão das demais questões com mais confiança de ter ido bem em questões anteriores.

  2. Ler o enunciado da pergunta com pressa, como quem já domina o assunto – Essa atitude pode levar a uma interpretação enganosa do enunciado e do que a banca realmente espera do candidato na resposta.

  3. Esquecer-se de controlar o tempo de prova – Treinar durante os simulados, e colocar em prática o tempo de realização do exame, pode ajudar a evitar a ansiedade ao deparar-se com um número alto de questões para responder em curto tempo. Aluno Medcel tem acesso a um banco de conteúdos com mais de 83 mil questões que podem ajudar nessa tarefa.

  4. Não fazer pausas para administrar o estresse – É comum que a ansiedade e o estresse fiquem mais altos em alguns momentos da prova, principalmente, entre a segunda e terceira hora do exame. Por isso, é importante fazer pequenas pausas, respirar, relaxar e retomar o controle da situação quando isso ocorre; sem deixar que o nervosismo e a “necessidade” de encerrar o processo tomem conta da situação.

  5. Não reservar tempo ideal para passagem do gabarito – O ideal é que você tenha tempo de passar as respostas para o gabarito questão a questão, checando tudo com tranquilidade. Isso é valioso porque uma questão passada no campo errado pode prejudicar a sequência de todas as outras.

Atenção aos pontos que podem ser trabalhados durante a preparação.

Como dissemos antes, alguns fatores podem ser observados ainda na fase de estudos, a fim de melhorar o seu rendimento de maneira geral. São eles:

  • Parar de gastar horas navegando em redes sociais.
  • Dividir o tempo de produtividade/ estudos em pequenos blocos de hora. 
  • Ter consciência das horas líquidas que dedicou a cada área de estudo.
  • Ter apoio na criação de um cronograma de estudos personalizado.
  • Ter acesso a uma multiplataforma, que te permita ter acesso a videoaulas longas ou curtas, de onde você estiver.
  • Ter contato com profissional especializado em orientar estudos. Na Medcel, os alunos têm acesso a um orientador de estudos.
  • Ter conhecimento de quais são os temas mais incidentes de acordo com o seu objetivo de aprovação.

Leia também: Técnicas de memorização: como garantir que uma informação seja fixada no cérebro


Está estudando para as provas da Residência Médica? Veja as recomendações da The British University Columbia

  • Organize grupos de estudos.
  • Pratique simulando com provas antigas.
  • Faça pausas de 5 minutos a cada 20-30 minutos de estudo.
  • Estude exemplos de casos reais de pacientes.
  • Use cursos de revisão.

Leia também: Como é a prova prática de Residência Médica?

Aproveite o momento de planejamento de estudos para o novo ciclo de provas e experimente Medcel por 7 dias gratuitos. 

Postado em
2/3/22
na categoria
Notícias Médicas

Mais sobre 

Notícias Médicas

ver tudo